Televisão Notícias Tecnologia Ciência Cultura Ensino Entrevistas Agenda
Nº 36
outubro 2014
Notícias
CPLP tem nova sede em Lisboa
07-02-2012 10:46
Jornalista: Lúcia Vinheiras Alves / Imagem e Edição: António Manuel
© TV Ciência
Na inauguração da nova sede da CPLP em Lisboa, Presidente da República, Cavaco Silva propõe que a CPLP adote programas de cooperação no domínio da língua com base numa bolsa única de recursos financeiros e humanos.
Enviar Notícia Versão Impressão
A nova sede da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) situa-se no centro da cidade de Lisboa e no topo do portão do Palácio Conde de Penafiel está agora a bandeira da CPLP.

No ato de inauguração estiveram presentes, para além do Presidente da República Cavaco Silva, do Primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho e do Secretário executivo da CPLP, o Vice Presidente da República de Angola, Fernando da Piedade Dias dos Santos e ex. Presidentes de Portugal, Moçambique e de Cabo Verde, bem como Ministros dos Negócios Estrangeiros de vários Estados da CPLP.

Cavaco Silva lembrou o trabalho que a CPLP tem vindo a desenvolver, mas referiu que agora chegou o tempo para uma maior aproximação da organização aos cidadãos.

Cavaco Silva referiu que: «é verdade que muito foi já feito nesse sentido, mas há que ir mais longe: alargando os domínios de cooperação, atraindo uma maior diversidade de setores da sociedade para as iniciativas da nossa Comunidade, divulgando, mais e melhor, aquilo que somos e fazemos, mas também o que queremos ser e fazer. Em suma, a CPLP tem de descer à rua e de se abrir mais ao contributo dos seus cidadãos, começando, desde logo, pelos mais jovens, para que estes a sintam como algo que lhes pertence, com que se identificam, como uma real mais-valia nas suas vidas».

A língua portuguesa é, refere Cavaco Silva, o principal ativo estratégico, político e económico da CPLP, por isso apresenta diversos desafios à comunidade. «Desafios que começam em cada um dos nossos países, onde a aposta na educação e na formação em língua portuguesa deve ser vista como prioridade. Sabemos que nem todos temos os mesmos recursos, no domínio da língua. Impõe-se, por isso, uma concertação de esforços a nível político, que permita criar condições logísticas e financeiras para que aqueles que dispõem de meios humanos possam apoiar quem mais deles necessita. A CPLP poderia ser o fórum ideal para essa reflexão conjunta e para adoção de programas de cooperação abrangendo todos os seus membros, com base numa bolsa única de recursos humanos e financeiros», afirma Cavaco Silva.

O Vice-Presidente de Angola destaca a importância da CPLP no atual tempo de globalização. «Independentemente dos contextos geopolíticos e geoestratégicos que possam estar inseridos nos nossos Estados, é importante sobretudo que em conjunto eles possam e saibam fazer da CPLP um instrumento capaz de concorrer substancialmente para a salvaguarda dos interesses dos nossos países, vencendo os desafios que dia a dia nos se colocam nesta era da globalização. Estou certo que para além dos laços que nos unem a adoção destas novas estruturas do Secretariado da nossa Comunidade, reforça a importância que damos a estes pressupostos».

O atual Secretário Executivo da CPLP Domingos Simões Pereira, diz que com a nova sede possui agora condições para uma maior aproximação da organização às populações. «Com a nova sede ambicionamos concretizar de forma mais efetiva a vossa orientação de uma maior proximidade de integração à comunidade. Contamos ver este espaço convertido num local de encontro obrigatório para conversas de início da manhã e fins de tarde à volta de livros, de poesia, de música, mas também de estudos, de pesquisas sobre temas de interesse para os nossos Estados e populações, de encontros de estudantes, de políticos, de homens de negócios e outros».

Na mesma linha de opinião vai o Ministro dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas que considera haver agora um lugar mais apropriado para o encontro da comunidade lusófona. «Fica a CPLP lindamente servida, como uma sede prestigiadíssima que vai ser um lugar de encontro politico, porque nós somos uma comunidade influente internacionalmente, um lugar de encontro económico, porque temos imenso a fazer juntos do ponto de vista das empresas e um lugar de encontro cultural porque a língua portuguesa falada sobre cada forma em cada pais e em cada comunidade é um valor extraordinário, tanto do ponto de vista do legado cultural como daquilo que nos pode servir na globalização».

E é na língua que Paulo Portas coloca mais ênfase, pois considera que esta será cada vez mais determinante para o aumento da influência da CPLP no Mundo. «Para mim um dos pontos mais atrativos da CPLP tem a ver com o facto do português ser uma língua que vai triunfar na globalização. O português é falado em quatro continentes, é a sexta língua mais falada no mundo, a terceira língua de origem europeia mais influente. Há muitos países da CPLP que têm um crescimento demográfico enorme, dentro de umas décadas 350 milhões de pessoas falam português em todo o mundo e isso torna inevitável a ascensão do português como língua internacional de trabalho e tem um valor económico enorme», explica Paulo Portas.

Para além dos países de língua oficial portuguesa há outros que têm manifestado interesse em estar ligados à CPLP, encontrando-se já com o estatuto de observadores associados a Guiné equatorial, a ilha Maurício e o Senegal.

Últimas Notícias
Cientistas desenvolvem “remendos” para tecidos cardíacos que poderão substituir transplantes
Cientistas do IMM identificam funcionamento de um dos genes responsável pela miopatia centronuc ...
Já é possível carregar pilha do relógio através de energia produzida pelos passos durante camin ...
Portugueses conquistam duas medalhas de ouro e uma de bronze nas Olimpíadas Ibero-Americanas de ...
Presidente do ERC reconhece importância dos Fundos Estruturais para o desenvolvimento da ciênci ...
  Topo  
Comparticipado pelo Instituto de Investigação Científica Tropical Projecto apoiado pelo Programa Operacional Sociedade do Conhecimento Projecto Co-financiado pela UE - FEDER
Cartoteca Iconoteca Telejornais Arquivo de Vídeo Manuscritos Documentários Vídeo Memória Newsletter Facebook (Este link irá abrir uma nova janela)
A TV Ciência Estatuto Editorial Emissão Contactos Ajuda Imprensa © Copyright Publicidade Ficha Técnica